Certificado Cadastur - Ministério do Turismo do Brasil - 26.064298.80.0001-2

10 alimentos que melhoram o desempenho esportivo do cérebro

  • 10/06/2015

É comum que as pessoas que praticam exercícios associem a fadiga a um problema cardíaco, pulmonar ou muscular. Um número cada vez maior de estudos, no entanto, indica que boa parte do cansaço é determinada pelo cérebro. Ou seja, o humor influencia o resultado final do exercício


É comum que as pessoas que praticam exercícios associem a fadiga a um problema cardíaco, pulmonar ou muscular. Um número cada vez maior de estudos, no entanto, indica que boa parte do cansaço é determinada pelo cérebro. Ou seja, o humor influencia o resultado final do exercício. Samuel Máncora, pesquisador da Universidade de Kent, Inglaterra, realizou uma série de experimentos que confirmam isso. 

Graças a essas pesquisas, sabemos hoje que o cérebro é um fator fundamental na melhoria do desempenho físico. É por isso que os psicólogos esportivos aconselham treinar tanto a mente como o corpo, e colocar em prática certas estratégias de automotivação que permitam otimizar a função geral do cérebro. Criar hábitos alimentares saudáveis é uma dessas estratégias. 

O corpo é uma máquina que precisa da energia fornecida pelos alimentos para se movimentar e se recuperar. Quanto melhor é a alimentação, maior é o rendimento. A dieta de qualquer atleta deve incluir três elementos fundamentais: carboidratos, proteínas e gorduras. Por exemplo, se um atleta pratica musculação, é essencial consumir proteínas antes e depois da atividade, para que o organismo produza os aminoácidos que reparam e fortalecem o tecido muscular. Se o exercício for aeróbico, o fator essencial será a hidratação (embora seja importante tomar água ao longo de toda a atividade física). 

Quem treina regularmente deve consumir a quantidade adequada de antioxidantes, proteínas, carboidratos, Omega-3 e vitaminas. 

Confira alguns alimentos que contêm esses elementos: 

AMÊNDOAS - Fonte rica em vitamina E, são antioxidantes ideais para prevenir dores musculares. Atuam protegendo as membranas celulares do cérebro, afetadas por dietas excessivamente ricas em carboidratos refinados, como açúcar ou farinha branca. As amêndoas devem fazer parte de uma dieta balanceada pois são uma combinação natural de proteínas e gorduras saudáveis. 

BANANA - Fundamental para evitar cãibras e espasmos musculares, também é uma boa fonte de energia devido à combinação de três açúcares: sacarose, frutose e glicose. Também é rica em potássio, que ajuda a manter o ritmo cardíaco, enviando oxigênio ao cérebro e regulando o equilíbrio de água no corpo. 

SALMÃO E ATUM - São ricos em proteínas e Ômega-3, óleo essencial que previne inflamações e doenças cardíacas, além de melhorar a capacidade cognitiva e a memória. 

VERDURAS E LEGUMES - Alface, brócolis, escarola, espinafre e aipo são algumas das opções para preparar uma salada verde com grande quantidade de antioxidantes, que reduzem o risco de Alzheimer e outras doenças. 

OVOS - Fornecem os aminoácidos necessários para o trabalho muscular. Além disso, a composição da gema ajuda a manter saudáveis os neurotransmissores do cérebro. 

MASSA INTEGRAL - Tem alto teor de carboidratos de fácil digestão, que ajudam a repor a energia rapidamente. 

PROTEÍNAS DO SORO - Presentes no leite e outros laticínios, como iogurte, ajudam a acelerar e melhorar o processamento e a circulação do oxigênio no cérebro. Por esse motivo, as vitaminas com leite, feitas no liquidificador, são uma boa opção antes e depois dos exercícios. 

CHOCOLATE - O chocolate meio amargo é antioxidante e uma ótima fonte de energia; sua ingestão reduz o colesterol, equilibra a pressão arterial e previne inflamações. Além disso, aumenta o fluxo de sangue para o cérebro. 

CEREAIS - Combinar diferentes tipos de grãos é altamente benéfico para quem pratica exercícios, já que fornecem proteínas livres de gorduras saturadas - permitindo melhor oxigenação e aceleração do metabolismo - e fibras. A quinoa, por exemplo, contém o dobro de proteínas de um cereal tradicional, gorduras boas, vitaminas, minerais, carboidratos que aceleram o processo de digestão e os oito aminoácidos que o corpo precisa para formar músculos e recuperar-se depois dos exercícios. 

LARANJA - Contém muita vitamina C e facilita a absorção do ferro, evitando o cansaço muscular. Além disso, contém ácido fólico, que permite o bom desenvolvimento do cérebro. 

Fonte: Discovery Brasil

Compartilhe

Curta nossa Fan Page

Veja também

Bikers Rio Pardo | Artigo | Novo estudo afirma que ciclismo não causa infertilidade ou impotência

Novo estudo afirma que ciclismo não caus...

Um novo estudo publicado no The Journal of Urology afirma que, diferente do que muitos ima... veja +

Bikers Rio Pardo | Artigo | Sono de qualidade: um grande aliado do pedal eficiente

Sono de qualidade: um grande aliado do p...

Todo mundo sabe que dormir bem (e bastante!) é fundamental e imprescindível para manter a... veja +

Bikers Rio Pardo | Artigo | Ciclismo e a melhor opção para manter a saúde, diz estudo

Ciclismo e a melhor opção para manter a...

Usar a bicicleta diariamente reduz em 52% o risco de doenças no coração e em 40% o risco d... veja +

Bikers Rio Pardo | Artigo | Afinal, precisa ou não precisa alongar?

Afinal, precisa ou não precisa alongar?

Veja o que dizem as pesquisas mais recentes sobre o que realmente traz mais flexibilidade

ACESSE O SITE

Ainda não possui conta? Clique aqui para se cadastrar!

Esconder

Recuperar senha?

Perdeu a senha? Informe o seu e-mail. Você receberá um link para recuperar a senha.

Mensagem de erro!



Voltar para login

Fechar

Próximo Evento: CICLO AVENTURA - FURNAS - MG - 25/02/2018

Bikers Rio Pardo | CICLO AVENTURA - FURNAS - MG